Presidente da Petrobras: General Silva e Luna toma posse como presidente

Silva e Luna foi confirmado para o cargo no último dia 16

O general Joaquim Silva e Luna tomou posse hoje (19) como presidente da Petrobras. Ele foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro em substituição ao economista Roberto Castello Branco.

Em seu discurso, Silva e Luna disse que não há dúvidas de que, entre os principais desafios, estão tornar a Petrobras cada vez mais forte, trabalhando com visão de futuro, segurança, respeito ao meio ambiente, aos acionistas e à sociedade para garantir o maior retorno possível ao capital empregado.

“Crescer sustentado em ativos de óleo e gás de classe mundial, em águas profundas e ultraprofundas, buscando incessantemente custos baixos e eficiência. E fazer tudo isso conciliando os interesses de consumidores e acionistas, valorizando os nossos petroleiros, buscando reduzir volatilidade sem desrespeitar a paridade internacional, perseguindo a redução da dívida, investindo em pesquisa e desenvolvimento e contribuindo para a geração de previsibilidade ao planejamento econômico nacional”, acrescentou.

Silva e Luna foi confirmado para o cargo no último dia 16. A decisão foi formalizada pelo Conselho de Administração da estatal, que o elegeu, além de aprovar outros nomes para compor a Diretoria Executiva.

Também tomaram posse hoje Rodrigo Araujo Alves como diretor executivo Financeiro e de Relacionamento com Investidores; Cláudio Rogério Linassi Mastella, diretor executivo de Comercialização e Logística; Fernando Assumpção Borges, diretor executivo de Exploração e Produção; e João Henrique Rittershaussen, diretor executivo de Desenvolvimento da Produção.

Foram reconduzidos Nicolás Simone, como diretor executivo de Transformação Digital e Inovação; Roberto Furian Ardenghy, diretor executivo de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade; e Rodrigo Costa Lima e Silva, diretor executivo de Refino e Gás Natural.



Prefeitura Currais Novos Publicidade

Alerta laranja no RN: 46 municípios estão em perigo para acumulado de chuva até o fim deste domingo

“Há riscos de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco”, informou o instituto

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) colocou 46 municípios do Rio Grande do Norte em alerta laranja para acumulado de chuvas. O aviso entrou em vigor às 8h10 e se estende até 23h59 deste domingo (18).

De acordo com o Inmet, cidades do Leste, Agreste e Central do RN podem ser atingidos por chuvas entre 30 e 60 milímetros por hora ou de 50 a 100 milímetros por dia. “Há riscos de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco”, informou o instituto.

Para evitar riscos, o Inmet orienta que as pessoas evitem enfrentar o mau tempo; se possível, desliguem aparelhos elétricos e o quadro geral de energia; em caso de inundação, ou similar, protejam os pertences da água; e que acionem o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil.

A madrugada deste domingo já foi de chuva forte em Natal. De acordo com dados do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), nas últimas 6 horas, o acumulado de chuva foi de 36 milímetros no ponto de observação localizado no bairro Pajuçara, na zona Norte da capital.

Além do aviso laranja, todo o Rio Grande do Norte está inserido em alerta amarelo de chuvas intensas até o fim da manhã deste domingo (18). Além de chuvas de até 50 milímetros por dia, o estado pode enfrentar ventos intensos de até 60 km/h. Há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Veja os 46 municípios em alerta laranja:

Arez
Baía Formosa
Bento Fernandes
Brejinho
Caiçara do Norte
Canguaretama
Ceará-Mirim
Espírito Santo
Extremoz
Goianinha
Ielmo Marinho
João Câmara
Jundiá
Lagoa de Pedras
Lagoa Salgada
Macaíba
Maxaranguape
Montanhas
Monte Alegre
Natal
Nova Cruz
Nísia Floresta
Parazinho
Parnamirim
Passagem
Pedra Grande
Pedro Velho
Poço Branco
Pureza
Rio do Fogo
Santa Maria
Santo Antônio
Senador Georgino Avelino
Serrinha
São Bento do Norte
São Gonçalo do Amarante
São José de Mipibu
São Miguel do Gostoso
São Pedro
Taipu
Tibau do Sul
Touros
Vera Cruz
Vila Flor
Várzea



Prefeitura Currais Novos Publicidade

Cicloturismo e Ecoturismo em Pium são opções seguras em tempos de Pandemia

O Rio Pium é um dos mais importantes rios do litoral potiguar

Em tempos de Pandemia, todos se perguntam sobre se é possível fazer turismo de forma Segura. A resposta é sim e uma das opções que soma ainda o turismo sustentável é um passeio pelo vale do Rio Pium, em Parnamirim.

O Rio Pium é um dos mais importantes rios do litoral potiguar, responsável pelo sustento de muitas famílias e que dá nome à comunidade de Pium, no Litoral do 3° maior município do estado.

Alem do mais, a comunidade de Pium tem características únicas, uma forte presença cultural e artística, um artesanato belíssimo, uma gastronomia sem igual, uma feirinha de frutas que é ponto de parada de potiguares e turistas que passam pela sua rota, denominada de Rota do Pium.

Nesse contexto uma caminhada, uma corrida ou mesmo um passeio de Bike surgem como opções viáveis para serem realizadas com a família e amigos. Claro que não pode aglomerar, então o ideal é montar grupos pequenos e com o compromisso de que todos cumprirão as regrinhas necessárias em tempos de Pandemia. Para quem desejar saber mais, recomendamos seguir os perfis Rota do Pium e Vale Encantado, no Instagram! As fotos são de Ney Douglas.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Alerta: Celulares podem ajudar no combate a fraudes em bombas de combustíveis

Provar materialmente uma das fraudes mais comuns e com o maior número de vítimas – a das bombas de postos de combustíveis – é algo que envolve equipamentos e procedimentos complexos, além de apreensões in loco e análises laboratoriais. Tudo isso poderá ser substituído por um clique de celular, dado por qualquer consumidor.

Basicamente, o equipamento a ser instalado na bomba é composto por um hardware (equipamento) que faz a leitura de um transdutor óptico capaz de contar a quantidade de combustível que é apresentada no display da bomba. A garantia de que a bomba de combustível está correta é dada por uma assinatura digital que poderá ser checada por meio do bluetooth dos celulares. A violação dessa assinatura comprova a fraude.

Para se ter uma ideia de como são praticadas fraudes nas bombas de combustíveis, a cada ano cerca de 20 mil casos são autuados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) – número que fica ainda mais impressionante se for levado em conta a complexidade para se conseguir evidenciar esse tipo de prática fraudulenta. 

“As bombas medidoras de combustíveis possuem eletrônica bastante complexa, com placas de circuitos e software (programa de computador) que são vulneráveis a modificações, sendo quase impossível, ao fiscal, verificá-las em campo. Em muitos casos são necessárias análises laboratoriais para produzirmos provas materiais contra os infratores”, afirmou à Agência Brasil o chefe da Divisão de Metrologia em Tecnologia da Informação e Telecomunicações do Inmetro, Rodolfo Saboia. 

Citando levantamento divulgado pela Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis), o chefe da Divisão de Gestão Técnica do Inmetro, Bruno de Carvalho, disse que “as fraudes em bombas movimentam mais de R$ 20 bilhões a cada ano”.

Certificação digital

Para resolver – ou, pelo menos, amenizar – esse problema, o Inmetro está adaptando e implementando uma tecnologia que, há muito, já vinha sendo usada para dar segurança às transações feitas pela internet: a certificação digital.

“Nas bombas de combustíveis, o componente que faz a transformação da informação de medição, em sinal elétrico, é conhecido como transdutor [pulser]. Ele contém um chip criptográfico com um certificado digital. Desta forma, toda informação de medição que sai do pulser é assinada digitalmente, ficando impossível sua adulteração, sem que essa assinatura seja invalidada”, detalha Rodolfo Saboia.

Para agregar ainda mais segurança ao processo, os certificados digitais estarão vinculados à Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil), cadeia hierárquica de confiança coordenada pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), que viabiliza a emissão de certificados digitais para identificação virtual do cidadão em documentos como o e-CPF (Cadastro de Pessoa Física). O pedido de credenciamento – que tornará o Inmetro autoridade certificadora de primeiro nível na cadeia do ITI, para a adoção do equipamento – ainda está sob análise do instituto. A expectativa é de que essa aprovação ocorra ainda neste semestre.

“Na prática, o certificado digital ICP-Brasil funciona como uma identidade na rede mundial de computadores, garantindo a identificação inequívoca dos seus titulares e dando aos atos praticados por meio dele a mesma validade jurídica daqueles que assinamos e reconhecemos firma em cartório”, detalhou o presidente-executivo da Associação das Autoridades de Registro do Brasil (AARB), Edmar Araújo.

Identificação imediata

Saboia disse, também, que o principal ganho com a assinatura digital da informação de medição é a “rápida identificação de uma eventual fraude”. “Atualmente, para identificar uma fraude eletrônica em uma bomba de combustível é necessário apreender as placas eletrônicas das bombas e levar para análise em laboratório. Esta análise pode levar semanas. Com a assinatura digital, em poucos minutos, por meio de interface ou aplicativo de smartfhone, será possível – a fiscais e consumidores – checar se a assinatura é válida. Se a assinatura não for válida, significa que a bomba foi fraudada”, argumentou.

Com as medições analógicas dando lugar às digitais, sua utilidade poderá abranger fraudes envolvendo pesos e medidas que vão além das praticadas por postos de combustíveis mal intencionados. Segundo o presidente da AARB, “o certificado será destinado exclusivamente a objetos metrológicos regulados pelo Inmetro, mas é possível que seja também utilizado para controle de outros equipamentos, como balanças e relógios medidores de energia elétrica”.

Araújo estima que ainda no segundo semestre de 2021 tudo esteja operacionalizado para que as bombas de combustíveis comecem a ser certificadas.

Protótipos

Segundo o Inmetro, as indústrias já estão finalizando o desenvolvimento de protótipos para que a tecnologia seja colocada em prática. “Restam ainda algumas dúvidas normais de implementação, que estão sendo sanadas com auxílio da equipe do Inmetro”, disse Saboia.

Depois disso, os modelos de bomba serão enviados a laboratórios acreditados para a realização dos testes laboratoriais necessários para a aprovação de modelo dos instrumentos. “Uma vez aprovado pelo Inmetro, as indústrias já estarão autorizadas a comercializar seus instrumentos”, complementa Bruno de Carvalho.

Aplicativo

A fiscalização das bombas poderá ser feita por meio de um aplicativo para smartphones, a ser disponibilizado pelo Inmetro. A ideia é fazer com que eles se conectem com as bombas de combustíveis por meio de bluetooth, de forma a verificar se a assinatura digital da bomba foi violada. Caso tenha sido violada, a informação é imediatamente encaminhada ao Inmetro via internet.

“As bombas de combustível deverão ter informações sobre sua identidade – como o endereço do posto, sua data de fabricação e se o certificado metrológico ICP-Brasil está instalado – disponíveis a qualquer pessoa”, detalhou Araújo.

Segundo o Inmetro, a ideia inicial era a de que a tecnologia servisse apenas para os fiscais. No entanto, ao identificarem como será simples o processo, optou-se por estender a ferramenta aos usuários.

“Com o aplicativo, todos serão nossos olhos nos postos de combustíveis, o que empoderará o consumidor. Basta ligar o bluetooth para captar os dados da bomba e saber se há alguma inconsistência na assinatura digital. Quanto à transmissão, ela pode ser feita automaticamente, assim que se tiver acesso à internet”, finalizou Saboia.



Midia SL

Alerta! Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias

A última mudança nos preços dos combustíveis ocorreu no sábado passado, quando a Petrobras havia anunciado uma redução de R$ 0,08 no preço do diesel e mantido o preço da gasolina em R$ 2,59

A Petrobras anunciou hoje (15) aumentos de R$ 0,10 (3,7%) no preço do diesel e de R$ 0,05 (1,9%) no da gasolina. Os valores serão reajustados a partir de amanhã nas refinarias da estatal, onde o litro do diesel passará a custar R$ 2,76, e o da gasolina, R$ 2,64. 

A última mudança nos preços dos combustíveis ocorreu no sábado passado, quando a Petrobras havia anunciado uma redução de R$ 0,08 no preço do diesel e mantido o preço da gasolina em R$ 2,59.

Os reajustes de preços da Petrobras acompanham variações do valor dos combustíveis e do dólar no mercado internacional. Com isso, os aumentos ou reduções de preços ocorrem sem periodicidade definida, o que, segundo a estatal, permite competir de maneira mais eficiente e flexível. 

Desde o início do ano, os preços acumulam alta tanto para a gasolina, que encerrou 2020 vendida a R$ 1,84 nas refinarias da Petrobras, quanto para o diesel, que era negociado a cerca de R$ 2 por litro. 

A Petrobras afirma que os preços cobrados por suas refinarias têm “influência limitada” sobre o que é cobrado dos consumidores finais desses combustíveis. Isso ocorre porque o valor pago na bomba dos postos é acrescido de impostos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis, além das margens brutas das companhias distribuidoras e dos postos revendedores de combustíveis.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Lions Clube de Currais Novos faz doação de 16 capacetes Elmo usado em pacientes que estão em tratamento ao Covid

O Lions Clube Scheelita de Currais Novos realizou a compra de 16 Capacetes Elmo para fazer doação ao Hospital Regional Dr. Mariano Coelho de Currais Novos. A entrega aconteceu nesta terça-feira (13) e foi acompanhada pelo médico Rinaldo Régis, que preside a entidade, sua esposa Maria de Fátima e o casal José Fernandes e Salésia Fernandes. O Elmo é um capacete de respiração assistida com gerenciamento de pressão contínua e de forma não invasiva. O objeto é usado no tratamento a Covid-19, em pacientes com insuficiência respiratória aguda hipoxêmica e situações onde o pulmão apresenta dificuldade de oxigenação.

Criado em abril de 2020 no Ceará, o equipamento inovador surgiu como um novo passo para o tratamento de pacientes com insuficiência respiratória aguda hipoxêmica.

A ação foi realizada entre os associados do Lions Clube Scheelita, que reuniu seus participantes para a compra dos equipamentos. “Entre 50 a 60 % dos pacientes com insuficiência respiratória provocada pelo Covid 19, poderão se beneficiar com o uso de tal capacete. O Lions se irmana nesta luta, para minimizar os agravos da saúde e perda de vidas, neste momento tão difícil que todos nós estamos vivenciando. Como presidente agradeço a todos os que ajudaram. Com essa iniciativa temos a certeza que salvaremos muitas vidas”, contou Rinaldo Régis.



Midia SL

Municípios do RN identificam frascos da CoronaVac com quantidade menor de doses; Currais Novos é uma das cidades

Segundo a Sesap, as três maiores cidades do RN estão entre as que notificaram a possível falha

A Secretaria de Estado da Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) recebeu notificações de 23 municípios potiguares relatando que frascos da vacina CoronaVac estariam com menos doses do que o indicado pelo fabricante, o Instituto Butantan, de São Paulo. Ao todo, a perda seria de 633 doses. Essas vacinas estão sendo utilizadas para a campanha de vacinação contra a covid-19 em todo Brasil. 

Segundo a Sesap, as três maiores cidades do RN estão entre as que notificaram a possível falha. Os relatos apontam que algumas ampolas deveriam vir com 10 doses cada, mas que foram constatadas apenas nove. O mesmo relato também aconteceu em estados como Paraná, na Bahia, Goiás e Tocantins, entre outros. No entanto, o Instituto nega. 

Em nota publicada no último domingo (11), o Instituto Butantan atribuiu como falsa a informação de que haveria “envase inferior a 10 doses na quantidade de cada frasco da vacina do Butantan contra a covid-19″. De acordo com o instituto, os frascos reúnem 5,7 ml, que podem render até 11 doses, já que cada dose contém 0,5ml, autorizadas pela Anvisa. 

Ainda segundo o Instituto, análises são realizadas constantemente nos processos de produção e liberação dos lotes da vacina, a fim de garantir “o compromisso com a qualidade, e com a quantidade, da vacina que mais tem salvado vidas no Brasil”. O Butantan, ainda na nota, alertou para a necessidade de realizar a aspiração correta do imunizante que está nos frascos. 

A Sesap comunicou que fará a reposição das doses utilizando a reserva de contingência do estado, mas vai informar a situação ao Ministério da Saúde e solicitar a compensação.

Municípios que notificaram casos do tipo à Sesap:

Jaçanã
São Gonçalo do Amarante
Mossoró
Parnamirim
Felipe Guerra
Natal
Monte Alegre
São Paulo do Potengi
Serra Negra do Norte
Ceara Mirim
Caiçara do Norte
Santo Antônio
Encanto
Serra do Mel
Afonso Bezerra
Tabuleiro Grande
Currais Novos
Caicó
Assu
Felipe Guerra
São José do Mipibu
Água Nova
Goianinha



Prefeitura Currais Novos Publicidade

69 municípios potiguares já receberam refrigeradores científicos para armazenar vacinas doados pela Cosern

Até o final de abril, todas as 95 localidades contempladas com a doação receberão os equipamentosFotos: Canindé Soares/Cosern/divulgação

69 municípios potiguares, além do Governo do Estado, já receberam os refrigeradores científicos para armazenar vacinas doados pela Cosern. As entregas começaram nos primeiros dias de março e até o final de abril todos os equipamentos chegarão aos 95 municípios contemplados.

As duas câmaras doadas pela Cosern para o Governo do Estado já estão na II URSAP – Unidade Regional de Saúde Pública em Mossoró.

Ao todo, as distribuidoras da Neoenergia, empresa controladora da Cosern, estão doando 674 refrigeradores científicos para 651 municípios no Rio Grande do Norte (Cosern), Pernambuco (Celpe), Bahia (Coelba) e São Paulo/Mato Grosso do Sul (Elektro). A doação totalizou R$ 7,2 milhões em recursos que fazem parte dos Programas de Eficiência Energética (PEE) das distribuidoras, regulados pela Agência Nacional de Eficiência Energética (Aneel).

Como ação preventiva, a Cosern enviou um comunicado às prefeituras que serão beneficiadas com a doação no início de fevereiro ressaltando a importância da realização de uma revisão elétrica das instalações internas dos locais que receberão esses equipamentos.

Para Júlio Giraldi, Superintendente de Relacionamento com Clientes da Cosern, a vacinação é, nesse momento, a ação mais importante para combater à pandemia da Covid-19, aliado a outras medidas preventivas tais como uso de máscara e o distanciamento social.

Critérios para escolha dos municípios e contrapartidas
Foram contemplados pela doação da Cosern 95 municípios potiguares que têm IDHM até 0,61. Os refrigeradores científicos são de fabricação nacional e têm capacidade de 280 litros.
Para receber cada refrigerador novo, cada município contemplado deve entregar à Cosern, como contrapartida, dois refrigeradores ou freezers inadequados para vacinas.

Municípios potiguares contemplados com a doação de refrigeradores científicos feita pela Cosern:
Afonso Bezerra, Alexandria, Antônio Martins, Arês, Baía Formosa, Baraúna, Barcelona, Bento Fernandes, Bom Jesus, Brejinho, Caiçara do Norte, Caiçara do Rio do Vento, Canguaretama, Carnaubais, Cerro Corá, Coronel Ezequiel, Coronel João Pessoa, Espírito Santo, Fernando Pedroza, Francisco Dantas, Frutuoso Gomes, Galinhos, Governador Dix-Sept Rosado, Ielmo Marinho, Ipanguaçu, Jaçanã, Jandaíra, Januário Cicco, Japi, Jardim de Angicos, Jardim de Piranhas, João Câmara, João Dias, José da Penha, Jucurutu, Jundiá, Lagoa d’Anta, Lagoa de Pedras, Lagoa de Velhos, Lagoa Nova, Lagoa Salgada, Luís Gomes, Marcelino Vieira, Maxaranguape, Montanhas, Monte Alegre, Monte das Gameleiras, Olho-d’Água do Borges, Paraná, Paraú, Parazinho, Rio do Fogo, Passa e Fica, Passagem, Santa Maria, Pedra Grande, Pedra Preta, Pedro Avelino, Pedro Velho, Poço Branco, Porto do Mangue, Serra Caiada, Pureza, Rafael Fernandes, Riacho da Cruz, Riacho de Santana, Riachuelo, Rodolfo Fernandes, Ruy Barbosa, Santana do Matos, São Bento do Norte, São Bento do Trairí, São Fernando, São Miguel, São Miguel do Gostoso, São Pedro, São Tomé, Senador Elói de Souza, Senador Georgino Avelino, Serra de São Bento, Serra Negra do Norte, Serrinha, Serrinha dos Pintos, Severiano Melo, Sítio Novo, Taipu, Tangará, Tenente Ananias, Touros, Triunfo Potiguar, Upanema, Venha-Ver, Vera Cruz, Viçosa, Vila Flor.



Publicidade Ismael 02

Entretenimento: Thalia elogia Juliette e comenta após Fiuk revelar crush por ela

Thalia postou uma conversa do ator e cantor Fiuk, 30, com a advogada e maquiadora Juliette Freire, 31, em que ele revela ter tido um crush pela cantora mexicana quando criança

Não são apenas brasileiros que estão ligados no Big Brother Brasil 21. A cantora mexicana Thalia, 49, foi citada pelos brothers durante uma conversa e não demorou a responder em suas redes sociais. “Adorei ouvir isso no BBB 21”, afirmou ela.

Thalia postou uma conversa do ator e cantor Fiuk, 30, com a advogada e maquiadora Juliette Freire, 31, em que ele revela ter tido um crush pela cantora mexicana quando criança. “Eu chorei porque vi que eu era criança e não ia rolar”, disse ele.

“Que lindo isso que você falou, Fiuk. Verdade que eu era seu crush?”, questionou a cantora no Instagram, acrescentando um elogio a Juliette. “Me encantei pelo seu rosto. Deveríamos fazer uma festa no Zoom e cantar e dançar essas músicas”, disse.

Na conversa, Juliette e Fiuk citam trabalhos da cantora, como as novelas “Maria do Bairro” e “Marimar”, sucesso da década de 1990 no SBT. A maquiadora também brincou falando que é a cara de Thalia. “Só o branco do olho”, disse a influenciadora Camilla de Lucas, 26.

Os perfis de Juliette e Fiuk comentaram a publicação, assim como muitos brasileiros. “Meus Deus, a Juliette internacional”, afirmou uma internauta. “Até a Thalia amou a Juliette”, brincou outro. Teve até fã pedindo para que Boninho convide Thalia para cantar no reality.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Brasil ganha nova estátua do Cristo, maior do que a do Rio de Janeiro

O Brasil vai estrear uma nova estátua gigante do Cristo, em uma pequena cidade do sul do país, que promete superar em altura o icônico Cristo Redentor de braços abertos que fica no alto do Corcovado, no Rio de Janeiro.

Nesta semana foram erguidos os braços e a cabeça da estátua, cuja construção teve início em 2019 em Encantado, Rio Grande do Sul. Sua conclusão está prevista para o final deste ano, segundo a Associação Amigos de Cristo, que coordena os trabalhos.

“Com certeza é um dia de festa, de devoção”, comemorou o andamento do projeto em suas redes sociais Gilson Conzatti, vereador e filho de Adroaldo Conzatti, prefeito da cidade que acolheu a ideia e morreu em março de complicações de saúde em consequência da covid-19.A estátua de Encantado terá o nome de Cristo Protetor e terá 43 metros de altura, incluindo seu pedestal, o que a tornará a terceira estátua do gênero mais alta no mundo. A extensão de mão a mão é de 36 metros. Terá um elevador interno e um mirante.

O Cristo Redentor do Corcovado, cartão postal mais famoso do Brasil, mede 38 metros, incluindo seu pedestal, e foi inaugurado em outubro de 1931. Encantado, cidade com 22 mil habitantes, está localizada a 144 quilômetros de Porto Alegre, capital do estado.

A construção, erguida no Morro das Antenas, foi idealizada por um padre da cidade e busca “transmitir a fé do povo de Encantado e promover o turismo na região”. Os escultores Genesio Moura e Markus Moura, pai e filho, são os responsáveis pela obra.

O orçamento de 2 milhões de reais foi financiado com doações e sem dinheiro público, segundo a Associação Amigos de Cristo, formada por voluntários.

Em seu site, a associação continua com a campanha de arrecadação de fundos, e até abriu o sorteio de um carro para impulsionar as doações.



Midia SL