Projeto da UFRN é selecionado para programa de descarbonização

Foto: Reprodução

O projeto Descarbozine.ai: Sistema integrado para análise, monetização e descarbonização do tráfego veicular foi selecionado para participar do Rota 2030. O programa é um marco para a indústria automobilística brasileira, tendo como objetivo o desenvolvimento tecnológico e a inovação no setor, envolvendo desde a segurança veicular até a eficiência energética. A pesquisa em destaque é coordenada pelo professor Ivanovitch Silva, do Departamento de Engenharia de Computação e Automação (DCA) do Centro de Tecnologia da UFRN (CT/UFRN).

A seleção buscava propostas que estimulassem a colaboração entre Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) e empresas ligadas ao setor automobilístico, com foco no desenvolvimento de tecnologias inovadoras. A UFRN destacou-se com uma proposta na área de Conectividade: Meio Ambiente e Descarbonização. Com a aprovação, o projeto irá receber R$ 3.700.000,00 para desenvolver uma proposta de criação de créditos de carbono. 

O principal objetivo do projeto da UFRN é o de, com o auxílio de inteligência artificial e de hardware especial, calcular a emissão de poluição em determinado trajeto, dependendo do veículo utilizado. A partir dos dados coletados, serão criados créditos de carbono que, no futuro, poderão ser comercializados. De acordo com o professor Ivanovitch Silva, “serão utilizadas tecnologias como blockchain para a criação de cripto créditos de carbono, que têm o mesmo princípio das criptomoedas. Dessa maneira, o sujeito terá um conjunto de créditos de carbono, que poderão ser vendidos ou comprados”.

Em outro contexto, o projeto também irá auxiliar empresas que entram na bolsa de valores e precisam ter o próprio inventário de carbono. “Imagine uma empresa de transporte que faz parte da bolsa de valores e tem carros, caminhões e outros veículos. Essa empresa gera poluição e, para criar o inventário, ela precisa saber o quanto está poluindo. Com o novo mercado, essa empresa teria que comprar créditos de carbono por causa da poluição gerada”, explica Ivanovitch. A partir da proposta do projeto, acaba sendo criado um novo mercado de compra e venda.



Sisu 2024: sistema tem mais de 13 mil vagas disponíveis nas quatro instituições públicas de ensino superior do RN

Foto: Reprodução

Os estudantes do Rio Grande do Norte que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2023 terão oportunidade de ingressar no ensino superior com mais de 13 mil vagas disponíveis nas quatro instituições públicas de ensino superior do estado por meio do Sistema de Seleção Unificado (Sisu) 2024.

As inscrições para o Sisu 2024 serão abertas de 23 a 26 de janeiro. A seleção para concorrer a essas vagas será baseada nas notas do Enem do ano passado.

A Universidade Federal do Semi-Árido (Ufersa) se destaca ao disponibilizar 2.750 vagas, sendo 200 para ampla concorrência e as demais reservadas para cotas sociais, raciais e ações afirmativas.

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) oferecerá 2.509 vagas, aguardando ainda a publicação do termo de adesão para o Sisu 2024 em seu site.

A maior oferta vem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que disponibilizará impressionantes 7.186 vagas. Assim como as demais instituições, a UFRN também aguarda a publicação do termo de adesão à edição única do Sisu 2024.



Rede estadual abre matrículas para ensino médio e educação profissional nesta quinta

Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC), abriu, nesta quinta-feira (21), o prazo para a realização de matrículas dos alunos de ensino médio em tempo integral e educação profissional na rede estadual para o ano letivo de 2024.

Todo esse processo é informatizado pelo Sistema Integrado de Gestão da Educação (SIGEduc), disponível em www.sigeduc.rn.gov.br. De acordo com a SEEC, para os estudantes que estão cursando o ensino regular, o ensino profissional e o integral, e desejam continuar nas respectivas modalidades, as matrículas são renovadas pelas próprias escolas. Já para novos estudantes na rede estadual, as matrículas só começam em 15 de fevereiro de 2024.

Os estudantes que já são da rede estadual, mas buscam uma educação mais abrangente e integrada, podem se inscrever para o Ensino Médio Integral, essas matrículas devem ser feitas, entre os dias 21 de dezembro de 2023 a 15 de janeiro de 2024.

Segundo a SEEC, o ensino em tempo integral desempenha um papel crucial no desenvolvimento educacional e pessoal dos estudantes. Ao estender o tempo dedicado à aprendizagem, os alunos têm a oportunidade de se envolver mais profundamente em diversas disciplinas, participar de atividades extracurriculares e desenvolverem seus projetos de vida.

A divulgação de vagas para o Ensino Médio Integral vai ser feita em três chamadas distintas, a medida que as vagas não forem preenchidas totalmente: 26 de janeiro de 2024 (1ª Chamada), se todas as vagas não forem preenchidas, será feita a 2ª chamada em 2 de fevereiro de 2024, e a 3ª chamada, em 9 de fevereiro, se ainda houver vagas. Para aqueles estudantes que buscam transferências entre escolas da rede estadual, as vagas concedidas serão divulgadas em 7 de Fevereiro de 2024.

TN



Prefeitura de cidade da PB anuncia Concurso Público com 63 vagas e salário acima de 4 mil reais

No estado da Paraíba, a Prefeitura de Juru anuncia um novo Concurso Público, destinado à contratação de profissionais de diferentes áreas.

De acordo com o edital, são ofertadas 63 vagas, além de cadastro reserva, para os cargos das seguintes escolaridades:

  • Nível fundamental incompleto: Auxiliar de Serviços (3); Coveiro (1); Gari (2); Motorista – D (4); Vigia (3);
  • Nível médio/técnico: Agente Comunitário De Saúde (3); Assistente Administrativo (2); Auxiliar De Consultório Dentário (1); Auxiliar De Creche (3); Técnico Em Enfermagem (4);
  • Nível superior: Assistente Social (2); Profissional De Educação Física (4); Enfermeiro (3); Fisioterapeuta (1); Fiscal De Tributos (1); Fonoaudiólogo (1); Nutricionista (2); Medico Clinico Geral (3); Psicólogo (2); Terapeuta Ocupacional (1); Psicopedagogo (1); Professor Ensino Fundamental – Anos Iniciais (5); Professor Educação Infantil (4); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Português (1); Professor Ensino Fundamental Anos Finais -Educação Física (2); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Arte (1); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Língua Inglesa (1); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Matemática (2); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – História (1); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Geografia (1); Professor Ensino Fundamental Anos Finais – Ciências (1); Professor De Libras (1).

Vale ressaltar que entre as oportunidades, há inclusão de vagas para as pessoas que se enquadram nos itens especificados no edital.

Aos profissionais efetivados, o salário ofertado varia de R$ 1.320,00 a R$ 4.600,00, referente a jornada de trabalho de 30 a 40 horas semanais.

Como participar

Os interessados podem se inscrever a partir das 8h do dia 22 de dezembro de 2023 até o dia 21 de janeiro de 2024, no site EducaPB, mediante o pagamento de R$ 60,00 a R$ 90,00 de taxa de inscrição, de acordo com o nível de escolaridade.

Entretanto, os candidatos que se enquadram nos critérios do edital podem solicitar a isenção no valor da taxa até 8 de janeiro de 2024.

Classificação

Como forma de classificação, todos os candidatos inscritos serão avaliados por meio de prova objetiva, prevista para ser aplicada no dia 10 de março de 2024.

Haverá análise de títulos para os cargos de nível superior. Já para Motorista categoria D, será realizada prova prática, no provável período de 14 de abril de 2024.

Vale ressaltar que a prova objetiva é composta por 30 ou 40 questões de múltipla escolha, distribuídas entre os seguintes conteúdos programáticos: língua portuguesa, conhecimentos gerais, conhecimentos específicos e/ou informática.

Validade

O prazo de validade deste Concurso Público será de um ano, da data de sua homologação, podendo ser prorrogado a critério do Poder Executivo Municipal, por igual período.



Sisu passará a ter apenas uma edição a partir de 2024

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) passará a ter apenas uma edição por ano a partir de 2024. O programa seleciona estudantes para vagas em universidades públicas de todo o país com base na nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). De acordo com o Ministério da Educação (MEC), ainda nesta semana, será publicado o edital do Sisu do próximo ano, que deverá trazer mais detalhes sobre a mudança.

Criado em 2009 e implementado em 2010, o Sisu é realizado tradicionalmente duas vezes por ano, selecionando estudantes para vagas no ensino superior tanto no primeiro quanto no segundo semestre de cada ano. A partir do ano que vem, no entanto, deverá ser feito apenas um processo seletivo por ano.

O Sisu é um sistema que reúne em uma mesma plataforma as vagas ofertadas por instituições públicas de ensino superior, sejam elas federais, estaduais ou municipais. Para participar, os estudantes devem ter feito a última edição do Enem e não podem ter tirado zero na prova de redação.

Na hora da inscrição, os candidatos podem escolher até duas opções curso nas quais desejam concorrer a vagas. Uma vez por dia, durante o período de inscrição, é divulgada a nota de corte de cada curso, baseada nas notas dos candidatos inscritos até aquele momento. Os candidatos podem mudar de opção de curso até no último dia de inscrição.

A edição do início do ano é que conta com a maior participação de instituições e também a que tem a maior oferta de vagas. Na primeira edição de 2023, foram ofertadas 226.399 vagas de 6.402 cursos de graduação em 128 instituições federais, estaduais ou municipais de ensino, sendo 63 universidades federais. Já a segunda edição de 2023 disponibilizou 51.277 vagas em 1.666 cursos de graduação, de 65 instituições de educação superior.

ABr



Inscrições para concurso do IFRN com 51 vagas terminam nesta quinta (7)

As inscrições para o concurso do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) terminam na próxima quinta-feira (7). São ofertadas 51 vagas em cargos de níveis médio, técnico e superior para servidores técnico-administrativos. As inscrições devem ser feitas no site da Funcern. As taxas de participação variam de R$ 55 a R$ 115. A Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (Funcern) será a organizadora do concurso.

Vagas

Nível médio

Assistente de aluno (4)

Assistente em administração (13)

Nível técnico

Técnico de tecnologia da informação (8)

Técnico de laboratório — multimídia (3)

Técnico de laboratório — ciência (1)

Técnico de laboratório — edificações (1)

Técnico de laboratório — eletroeletrônica (1)

Técnico de laboratório — química (2)

Técnico de laboratório — informática (4)

Técnico em enfermagem (1)

Nível superior

Analista de tecnologia da informação (1)

Engenheiro civil (1)

Médico — área clínica (4)

Nutricionista (1)

Odontólogo (2)

Pedagogo (3)

Técnico em assuntos educacionais (1)

g1 RN



IFPB: Processo Seletivo oferta nova oportunidade em Itaporanga

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) anuncia a realização de um novo Processo Seletivo, que tem por objetivo o preenchimento de uma vaga destinada à contratação de Professor Substituto, a fim de ministrar aulas na área de educação física, no Campus Itaporanga.

Para concorrer a oportunidade ofertada, é necessário que o candidato tenha habilitação em educação física e metodologia da pesquisa científica e outras, bem como pós-graduação em educação física.

Ao ser contratado, o profissional deve exercer funções em jornadas de 40 horas semanais, referente a remuneração mensal no valor de R$ 3.130,85.

Procedimentos para participação

Os interessados em participar do Processo Seletivo, podem se inscrever de forma eletrônica, no período de 25 a 28 de novembro de 2023, por meio do Portal de Concursos do IFPB.

Vale ressaltar que, o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 100,00, deve ser efetuado por meio de boleto bancário, até o dia 27 de novembro de 2023. No entanto, os candidatos que se enquadram nos critérios prescritos no edital, puderam solicitar a isenção da taxa de inscrição até 26 de novembro de 2023.

Como forma de seleção, os candidatos serão avaliados mediante aplicação de prova de desempenho didático, entre os dias previstos de 13 e 14 de dezembro de 2023, no qual o plano de aula deve ser enviado entre 8 e 9 de dezembro de 2023.

Além da etapa anterior, os candidatos serão submetidos à fase de prova de títulos, no qual o envio da documentação específica deve ser realizado em 21 de dezembro de 2023.

Vigência

De acordo com o edital de abertura, o Processo Seletivo terá validade durante 12 meses, contados a partir da data da homologação do resultado final, com possibilidade de ser prorrogado por igual período.

*Com informações do PCI Concursos



Enem 2023: pedidos de reaplicação da prova seguem até esta segunda-feira. Confira detalhes

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) prorrogou para até às 23h59 desta segunda-feira (20) o prazo para pedidos de reaplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2023. A medida que vale para quem teve problemas de logística ou de saúde (doenças infectocontagiosas) nos dias do exame (12 e 19), e para quem mora a mais de 30 quilômetros do local de prova.

As solicitações para a reaplicação do exame devem ser feitas na Página do Participante, e a reaplicação será nos dias 12 e 13 de dezembro. “Pessoas que tenham sido afetadas por problemas logísticos, como comprometimento da infraestrutura, falta de energia elétrica no local de prova ou erro de aplicação, podem solicitar a reaplicação. Participantes alocados a mais de 30 quilômetros da residência indicada no ato da inscrição também podem solicitar o direito. Os casos serão analisados individualmente”, informou o Inep, a quem caberá fazer a avaliação dos pedidos.

Entre as doenças infectocontagiosas listadas no edital estão covid-19, tuberculose, coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola e varicela. Nesses casos, os pedidos de reaplicação devem ser acompanhados por documentos comprobatórios, que serão analisados pelo Inep individualmente.

“Quem faltou a qualquer um dos domingos por motivos que não se enquadram nos termos citados não tem direito à reaplicação”, ressaltou o instituto.

ABr



Entenda a renegociação de dívidas do Fies

Foto: Reprodução

Cerca de 1,2 milhão de estudantes ou formados inadimplentes com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) podem, a partir desta terça-feira (7), renegociar as dívidas com até 99% de desconto. Anunciada na semana passada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a renegociação especial foi publicada nesta segunda-feira (6) em resolução em edição extraordinária do Diário Oficial da União.

Os débitos poderão ser renegociados em condições especiais no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. O devedor deve procurar a agência do banco responsável pelo financiamento.

Não apenas pessoas inadimplentes poderão renegociar. Qualquer cidadão terá direito a refinanciar o Fies em condições vantajosas, mesmo quem estiver com as parcelas em dia.

Os maiores descontos, no entanto, virão para estudantes com contratos assinados até o fim de 2017 e com débitos em atraso em 30 de junho deste ano. Essa categoria ganhará uma renegociação especial nos moldes das transações tributárias, tipo de parcelamento especial com a Receita Federal e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional.

Os estudantes que poderão aderir à transação foram divididos em três categorias:

• Débitos vencidos e não pagos por mais de 90 dias em 30 de junho de 2023:

– desconto de até 100% sobre encargos (juros e multas);

– desconto de 12% sobre o valor financiado pendente para pagamento à vista;

– parcelamento em até 150 prestações mensais e sucessiva do valor financiado pendente;

– manutenção das demais condições do contrato, como garantias e eventuais taxas.

• Estudantes com débitos vencidos e não pagos por mais de 360 dias em 30 de junho de 2023, inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) ou que tenham sido beneficiários do Auxílio Emergencial 2021:

– desconto de até 99% do valor consolidado da dívida, inclusive do valor principal;

– liquidação integral do saldo devedor em até 15 prestações mensais.

• Estudantes com débitos vencidos e não pagos por mais de 360 dias, em 30 de junho de 2023, fora do CadÚnico e do Auxílio Emergencial 2021:

– desconto de até 77% do valor consolidado da dívida, inclusive do principal;

– liquidação integral do saldo devedor em até 15 prestações mensais e sucessivas.

Agência Brasil



UFRN recebe visita de pesquisadores do México e da Argentina

Foto: Reprodução

O reitor em exercício da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Henio Ferreira de Miranda, recebeu pesquisadores do México e da Argentina, na tarde desta segunda-feira, 6, na Reitoria. Os professores que realizaram a visita de cortesia à Administração Central vão participar do Seminário Internacional – Federalismo e Gestão Metropolitana no Brasil e no México, que será sediado pelo Instituto de Políticas Públicas (IPP/UFRN), de 7 a 9 de novembro.

Os professores da Universidad de Michoacan del Campo (Ucemich),  Javier Rosiles; de El Colegio de Jalisco, Alberto Arrellano; e da Universidade Nacional de Salta,  Martin Alejandro Iribarnegaray, agradeceram a recepção da UFRN e demonstraram interesse em fortalecer as parcerias interinstitucionais, visando ao compartilhamento de saberes em benefício do Brasil, do México e da Argentina.

O reitor em exercício, Henio Miranda, deu as boas-vindas aos docentes e colocou a Universidade à disposição para cooperações acadêmico-científicas, com o intuito de fortalecer a excelência acadêmica, por meio da internacionalização.