Mais 4 novos casos de Covid confirmados em Currais Novos

Os casos suspeitos e confirmados continuam sendo monitorados pelas equipes da Vigilância em Saúde do município e se encontram em isolamento domiciliar

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, confirma na manhã desta quinta-feira (22), mais quatro (04) novos casos de Covid19 no município de Currais Novos.

Eis os novos casos:

O 886º caso, trata-se de paciente do sexo masculino, faixa etária entre 11 e 20 anos, diagnosticado via teste rápido;
O 887º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 31 e 40 anos, diagnosticada via teste rápido;
O 888º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 11 e 20 anos, diagnosticada via teste rápido;
E o 889º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 71 e 80 anos, diagnosticada via teste rápido.

Os casos suspeitos e confirmados continuam sendo monitorados pelas equipes da Vigilância em Saúde do município e se encontram em isolamento domiciliar.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Campo Redondo participa em peso do “Esquenta Canela” com Dr. Renam e o vice Welby

Depois da palestra a multidão foi deixar o prefeito e seu vice no centro da cidade, no espaço conhecido como Maracanã, espaço que ficou lotado

Com concentração no Conjunto Margarida Procópio, em Campo Redondo, o evento de Dr. Renam (PROS) e seu vice Welby (PROS) agregou uma multidão na noite desta quarta-feira (21). Esse foi o primeiro bairro aonde Dr. Renam começou a atender como médico, quando passou a residir na cidade.

Depois da palestra a multidão foi deixar o prefeito e seu vice no centro da cidade, no espaço conhecido como Maracanã, espaço que ficou lotado. O “1º Esquenta Canela do Margarida Procópio” teve participação dos vereadores da coligação e concentração a partir das 18h, quando começou a reunir uma grande participação dos moradores.

Pouco a pouco uma multidão se agregou à caminhada. Em cada rua que passava, caminhantes, carros e motos foram se agregando ao evento. No seu plano de governo, Dr. Renam contempla o Margarida Procópio com obras na saúde, como a construção de um polo da Academia da Saúde e uma Unidade Básica de Saúde (UBS). Ao final, convidou a população para o comício que a coligação vai realizar no próximo sábado (24).



Sidy´s Publicidade 01

Pandemia pode reduzir oferta de vagas temporárias no natal, diz CNC

O natal é a principal data comemorativa do varejo e deve movimentar R$ 37,5 bilhões em 2020

A crise provocada pela pandemia da covid-19 pode fazer com que a oferta de vagas temporárias no comércio para o período das festas de natal e fim de ano seja menor desde 2015, estima a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Segundo a CNC, neste fim de ano, o comércio deverá contratar 70,7 mil trabalhadores temporários para atender ao aumento sazonal das vendas. O número é 19,7% menor do que o registrado em 2019 (88 mil). O natal é a principal data comemorativa do varejo e deve movimentar R$ 37,5 bilhões em 2020.

O presidente da CNC, José Roberto Tadros, disse que, mesmo impulsionado pelo e-commerce (comércio eletrônico), o varejo ainda sente os efeitos das condições de consumo em meio à pandemia. Ele destacou que a intensificação das ações de venda on line tem ajudado na recuperação gradual do varejo nos últimos meses e também será um dos impulsionadores das vendas para o natal. “Porém, apesar de o comércio eletrônico ter crescido bastante, as vendas em shopping centers vêm registrando retração, e isso impacta diretamente no número de temporários contratados, em especial os vendedores.”

As lojas de roupas e calçados, que historicamente respondem pela maior parte dos empregos temporários neste período do ano, deverão ofertar 30,7 mil vagas em 2020. Segundo o economista Fabio Bentes, responsável pelo estudo da CNC, o total equivale a pouco mais da metade dos 59,2 mil postos de trabalho criados em 2019.

“Esse ramo do varejo vem apresentando mais dificuldades para recuperar o nível de vendas anterior ao início do surto de covid-19”, disse Bentes. Somados ao ramo de vestuário, as lojas de artigos de uso pessoal e doméstico (13,7 mil) e os hipermercados  e supermercados (13,4 mil) deverão responder por quase 82% das vagas oferecidas pelo varejo no Natal.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Após a morte de voluntário brasileiro, Anvisa prossegue com os testes da vacina de Oxford

A Anvisa prestou solidariedade à família do voluntário brasileiro, mas não concedeu nenhuma informação mais detalhada sobre a vítima

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra, admitiu nesta quarta-feira (21) que os testes da vacina de Oxford prosseguem, apesar da morte de um brasileiro que serviu como voluntário do programa. A Anvisa prestou solidariedade à família do voluntário brasileiro, mas não concedeu nenhuma informação mais detalhada sobre a vítima.

Em nota, a Anvisa informou que: “Foram compartilhados com a Agência os dados referentes à investigação realizada pelo Comitê Internacional de Avaliação de Segurança. É importante ressaltar que, com base nos compromissos de confidencialidade ética previstos no protocolo, as agências reguladoras envolvidas recebem dados parciais referentes à investigação realizada por esse comitê, que sugeriu pelo prosseguimento do estudo”.

Um voluntário brasileiro que participava dos testes clínicos da vacina desenvolvida pela Universidade Oxford e pelo laboratório AstraZeneca morreu devido a complicações de covid-19, na última quinta-feira. Não há confirmação se ele recebeu placebo ou uma dose do imunizante.



PRIMOR – PUBLICIDADE

Ministro da Saúde testa positivo para covid-19

O estado de saúde do ministro, segundo a pasta, é estável

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, testou positivo para covid-19, segundo nota divulgada nesta quarta-feira (21) pela própria pasta.

De acordo com o comunicado, na terça-feira (20), por volta das 23h, Pazuello foi submetido a exames clínicos médicos que confirmaram o diagnóstico. O teste PCR, que identifica o vírus de forma ativa, também foi realizado, mas o resultado ainda não foi liberado.

O estado de saúde do ministro, segundo a pasta, é estável. Pazuello está no Hotel de Trânsito de Oficiais do Exército, onde reside, em Brasília, e é monitorado por uma equipe multiprofissional.



Sidy´s Publicidade 01

RN: Armando Ribeiro Gonçalves acumula 1,39 bilhões de metros cúbicos

Maiores detalhes na matéria – Foto: Ilustrativa

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), monitora os 47 reservatórios, com capacidades superiores a 5 milhões de metros cúbicos, responsáveis pelo abastecimento das cidades potiguares.

O Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais, divulgado nesta quarta-feira (21), indica que a barragem Armando Ribeiro Gonçalves acumula, atualmente, 1.390.415.909 m³, o que equivale a 58,59% da sua capacidade total, que é de 2,37 bilhões de metros cúbicos. 

Já as reservas hídricas totais do RN atualmente são de 2.179.564.682 m³, correspondentes a 49,8% da capacidade total dos reservatórios monitorados pelo Igarn que é de 4.376.444.842 m³. 

A barragem Santa Cruz do Apodi, segundo maior reservatório do RN, acumula 189.353.350 m³, equivalentes a 31,57% da sua capacidade total que é de 599.712.000 m³. 

O reservatório Umari, localizado em Upanema, terceiro maior manancial do Estado, acumula 236.399.967 m³, correspondentes a 80,73% da capacidade total da barragem, que é de 292.813.650 m³. 

A barragem Pau dos Ferros acumula 15.427.988 m³, correspondentes a 28,13%do seu volume total que é de 54.846.000 m³. 

O açude Itans, localizado em Caicó, acumula 7.659.585 m³, equivalentes a 10,1% da sua capacidade total, que é de 75.839.349 m³.

O reservatório Sabugi, localizado em São João do Sabugi, acumula 25.948.263 m³, equivalentes a 41,97% do seu volume total que é de 61.828.970 m³.

O Boqueirão de Parelhas represa atualmente 20.205.749 m³, o que equivale a 23,83% do seu volume total, 84.792.119 m³. 

O açude Bonito II, localizado em São Miguel, acumula 2.297.550 m³, equivalentes a 21,15% da sua capacidade total que é de 10.865.000 m³. 

O açude Apanha Peixe, localizado em Caraúbas, acumula 9.133.333 m³, sendo atualmente o único reservatório, monitorado pelo Igarn, a permanecer acima dos 90% da sua capacidade com 91,33%. Ele possui um volume total de 10 milhões de metros cúbicos. 

Os mananciais com volumes na faixa dos 80% das suas capacidades, além de Umari, são: Santana, localizado em Rafael Fernandes, com 82,33%; Riacho da Cruz II, localizado em Riacho da Cruz, com 80,33%; Encanto, localizado em Encanto, com 81,04% e Mendubim, localizado em Assu, com 87,85%. 

Os açudes com volumes na faixa de 70% são: Passagem, localizado em Rodolfo Fernandes, com 77,68%; Rodeador, localizado em Umarizal, com 73,41%; Morcego, localizado em Campo Grande, com 74,17%; Santo Antônio de Caraúbas, localizado em Caraúbas, com 70,38%; Beldroega, localizado em Paraú, com 72,43%; Pataxó, localizado em Ipanguaçu, com 72,55% e Dourado, localizado em Currais Novos, com 70,93%. 

Já os reservatórios, monitorados pelo Igarn, com volumes inferiores a 10% e, portanto, considerados em nível de alerta, são: Flechas, localizado em José da Penha, com 7,92%; Esguicho, localizado em Ouro Branco, com 1,49% e Passagem das Traíras, que continuam passando por obras em sua estrutura e acumula apenas 0,35% da sua capacidade. 

Os secos continuam sendo apenas dois: Inharé, localizado em Santa Cruz e Trairi, localizado em Tangará. 

Situação das lagoas

A Lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte da capital, está atualmente com 10.946.719 m³, o que corresponde a 99,34% do seu volume total que é de 11.019.525 m³.

A Lagoa do Boqueirão, localizada em Touros, acumula 9.767.510 m³, percentualmente, 88,2% da sua capacidade total que é de 11.074.800 m³.

A Lagoa do Bonfim, localizada em Nísia Floresta, está com 44.764.699 m³, correspondentes a 53,12% da sua capacidade total de acumulação que é de 84.268.200 m³.



Sidy´s Publicidade 01

TRE/RN defere registro de candidatura e Sally está apto para disputa em Cruzeta

Na última semana o prefeito teve seu registro indeferido pelo juiz eleitoral de Acari

Por cinco votos a um o Tribunal Regional Eleitoral deferiu na tarde de hoje (21) o registro de candidatura do Prefeito de Cruzeta candidato a reeleição, José Sally de Araújo. Na última semana o prefeito teve seu registro indeferido pelo juiz eleitoral de Acari.

Em nota o prefeito Sally agradeceu ao trabalho do advogado Dr. Leonardo Braz, parabenizando pela excelente atuação na condução do processo, que sem sombra de dúvida, um dos mais competentes e extraordinários juristas do RN, agradecimento a Deus e a população Cruzetense que esteve acompanhando o julgamento através do YouTube, sempre acreditando na justiça, torcendo e passando energias positivas.



CLIQUE – PUBLICIDADE

ALRN aprova projeto que proíbe nomeação de condenados na Lei Maria da Penha

O projeto prevê a proibição da nomeação, na administração pública direta ou indireta, de todos os poderes estaduais, de pessoas que tiverem sido condenadas na lei Maria da Penha – Foto liustrativa/Internet

Projeto de lei que proíbe nomeação de condenados na Maria da Penha, de autoria do deputado Sandro Pimentel (PSOL), foi aprovado nesta quarta-feira (21) por unanimidade na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. O projeto (70/2019) prevê a proibição da nomeação, na administração pública direta ou indireta, de todos os poderes estaduais, de pessoas que tiverem sido condenadas na lei Maria da Penha. O PL estabelece que o veto às nomeações de cargos comissionados inicia-se com a decisão transitada em julgado, e estende-se até o comprovado cumprimento da pena.

“Os agressores das mulheres, os agressores das famílias, ficarão impedidos a partir de agora, seja no Executivo, Legislativo ou Judiciário, de ocupar função de caráter público, porque não é admissível que uma pessoa condenada pela Lei Maria da Penha ainda tenha que receber recursos públicos”, disse o deputado. O projeto é aprovado em um momento de aumento nos registros de casos de violência contra a mulher no RN. Dados do Observatório da Violência Letal e Intencional do Rio Grande do Norte (Obvio/RN) apontaram um crescimento de aproximadamente 260% nos crimes contra a mulher, entre março e agosto de 2020, primeiros meses de vigência das medidas de isolamento social.

Em números absolutos, os registros de violência doméstica no estado saltaram de 552 registros em 2019 para 1586 casos este ano. Já as tentativas de homicídio saíram de 22 para 57 no mesmo intervalo de tempo analisado. Entre 2014 e 2019, pelo menos 542 mulheres foram vítimas de feminicídio no estado. Desse número, 405 vítimas eram mulheres pardas e/ou negras, mais de 75% do total.



ÓTICA -BANNER PUBLICIDADE

Papa Francisco defende união civil entre homossexuais; ‘pessoas homossexuais têm direito de estar em uma família’, afirmou o pontífice

O Papa Francisco já demonstrou ter interesse em dialogar com católicos LGBTIs, mas geralmente suas mensagens são a respeito de acolher esses fiéis

O Papa Francisco afirmou, em um filme que entra em cartaz nesta quarta-feira (21) na Itália, que os homossexuais precisam ser protegidos por leis de união civil. Foi a forma mais clara que Francisco já usou para falar de direitos dos LGBTIs. “As pessoas homossexuais têm direito de estar em uma família. Elas são filhas de Deus e têm direito a uma família. Ninguém deverá ser descartado ou ser infeliz por isso”, diz ele no documentário “Francesco”.

“O que precisamos criar é uma lei de união civil. Dessa forma eles são legalmente contemplados. Eu defendi isso”, ele afirmou. A fala do papa surge na metade do filme. Ele discorre sobre temas com os quais se importa, como o ambiente, pobreza, migração, desigualdade racial e de renda e pessoas mais afetadas por discriminação.

União civil, e não casamento

O Papa Francisco já demonstrou ter interesse em dialogar com católicos LGBTIs, mas geralmente suas mensagens são a respeito de acolher esses fiéis.

Ele já deu sinais velados que poderiam ser interpretados como uma opinião favorável à união civil.

Quando Cristina Kirchner era a presidente da Argentina, o país legalizou o casamento gay. Na época, ele ainda não era o papa, mas, sim, o cardeal Jorge Mario Bergoglio.

Segundo um texto de 2014 da agência “Religion News Service” (RNS), Bergoglio chegou a dizer que estava aberto a aceitar a união civil como uma alternativa ao casamento entre pessoas do mesmo gênero.

Em 2014, ele deu entrevista ao jornal “Corriere della Sera” na qual disse que a Igreja ensina que casamento é entre um homem e uma mulher. Segundo a agência RNS, ele disse que entende que governos queiram adotar a união civil para casais gays por razões econômicas.

Segundo o “Corriere della Sera”, o papa disse que “é preciso considerar casos diferentes e avaliar cada caso em particular”.

O Vaticano então clarificou que Francisco falava de forma genérica e que as pessoas não deveriam interpretar as palavras do papa além do que elas dizem, segundo a RNS.

G1



PRIMOR – PUBLICIDADE

Coronavírus: vacinação obrigatória pode parar no STF

A Lei 13.979, sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em fevereiro para enfrentar a pandemia, previu vacinação compulsória, assim como exames e testes laboratoriais

A possibilidade de que a vacinação contra o coronavírus seja obrigatória causa celeuma e ameaça dividir os brasileiros antes mesmo da aprovação do imunizante. O assunto, porém, não é novidade no país. O Programa Nacional de Imunizações, em vigor desde 1973, estabelece que o Ministério da Saúde define o calendário de vacinas, “inclusive as de caráter obrigatório”.

A Lei 13.979, sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em fevereiro para enfrentar a pandemia, previu vacinação compulsória, assim como exames e testes laboratoriais.

Não é incomum que a Justiça obrigue pais a vacinarem seus filhos, sob pena, inclusive, da perda de guarda prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Em setembro, um casal de Gaurama (RS) foi obrigado a vacinar o filho recém-nascido, por determinação da Justiça. Em 2016, um casal formado por mãe brasileira e pai belga tentou não vacinar um bebê, sob argumento que preferia seguir o calendário da Bélgica. A Justiça determinou que o bebê fosse vacinado enquanto estivesse no Brasil.

— Ninguém vai parar um cidadão na rua e obrigar a tomar a vacina. Mas os que não se submeterem à obrigatoriedade podem responder na Justiça — afirma a advogada Thais Pinhata, mestre pela Universidade de São Paulo, com atuação em Filosofia do Direito.



Sidy´s Publicidade 01